Economia

Nobel da Economia entregue justamente

Victorino Joaquim

O Prémio Nobel da Economia recentemente atribuído aos economistas norte-americanos Paul Milgrom, 72 anos, e Robert Wilson, 83 anos, foi visto pelo economista angolano e mestre em Gestão Económica e Financeira de Riscos, Joseph dos Santos, como sendo uma justa avaliação da parte do corpo de jurado.

Joseph dos Santos, economista
Fotografia: Edições Novembro

Contactado ontem, pelo Jornal de Angola, por via internet, Joseph dos Santos, radicado na Argentina, considerou que a pesquisa destes dois académicos ajudou a perceber como se formam os preços na venda de bens e serviços através de leilões.

Ao mesmo tempo que se propuseram novos formatos capazes de maximizar os “benefícios para os compradores, os vendedores, os contribuintes e a sociedade como um todo. Respondendo a pergunta se será que a teoria que os americanos vencedores do prémio defenderam seria suficiente para arrebater o prémio Nobel de Economia, Joseph dos Santos respondeu positivamente, justificando que os mesmos cumpriram com todos os resuisitos assinaldos pela Real Academia Sueca de Ciência, responsavel do processo de selecção, composto por um comité de seis membros, adicionalmente conta também com a assistência de assessores especialista. Por outro lado, acrescentou, a teoria económica proposta pelos vencedores tem uma finalidade prática fundamental no campo económico social.

Tempo

Multimédia