Economia

Órgão supervisor em organização internacional

A Comissão do Mercado de Capitais (CMC) foi admitida como membro ordinário da Organização Internacional das Comissões de Valores Mobiliários (IOSCO), um dos objectivos da sua estratégia que passa por dotar o sistema financeiro angolano de um mercado de valores mobiliários transparente e eficiente.

Vera Daves
Fotografia: CMC

Em nota de imprensa publicada no site do Ministério das Finanças, a CMC afirma que a oficialização da passagem de membro associado a ordinário ocorre depois da assinatura do Memorando de Entendimento Multilateral da IOSCO (MMoU, na sigla em inglês).
A presidente da CMC, Vera Daves, considera na nota de imprensa que a integração daquele organismo na IOSCO “tem um peso inquestionável” na credibilização do sistema financeiro nacional.
“Quando nos tornámos membros associados já foi para nós uma grande vitória, porque de forma muito pragmática passamos a estar no mapa daquele que é o panorama mundial a nível do mercado de valores mobiliários.

Tempo

Multimédia