Economia

Técnicos das Finanças elevam conhecimentos

O Ministério das Finanças realiza, desde terça-feira, em Luanda, um seminário sobre a integração monetária e económica na Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC), destinado a capacitar os seus técnicos sobre a matéria.

Fotografia: DR

A formação, que termina hoje, decorre no Instituto de Formação de Finanças Públicas (INFORFIP), em Cacuaco, e conta com a participação de 35 técnicos das 18 províncias do país.
Em declarações ao Jornal de Angola, a especialista em gestão macroeconómica e financeira Nilda Mendes, que administra a formação, disse que ela tem por finalidade dotar os técnicos de conhecimentos que lhes permitam dominar os procedimentos, processos, programas e protocolos da integração monetária e económica da SADC.
Com esta formação, disse, os técnicos vão alargar os conhecimentos sobre a integração monetária e económica e perceber melhor os benefícios que isso traz aos países envolvidos, a começar pela redução dos custos de aquisição de bens e serviços no comércio inter-regional.
A Comunidade para o De-senvolvimento da África Austral (SADC) foi criada em 1992. Sedeada em Gaborone, Botswana, o bloco é composto por 15 países (África do Sul, An-gola, Botswana, Lesotho, Madagáscar, Malawi, Maurícia, Moçambique, Namíbia, República Democrática do Congo, Seicheles, Swazilândia, Tanzânia, Zâmbia e Zimbabwe).
Um dos objectivos da SADC é garantir a integração e o desenvolvimento dos países membros, por meio da integração de políticas económicas.

Tempo

Multimédia