Gente

Artista reflecte problemas sociais

A juventude é a força motriz de uma nação e urge a necessidade de cada um contribuir de forma significativa para que ela se desenvolva.

Fotografia: DR

É nessa senda que o jovem Poeta Momentâneo sentiu-se motivado a reflectir sobre diversos problemas sociais que "afligem" o território angolano.
O declamador está a promover o poema, em registo áudio, “Sobreviventes do inferno”, centrado em abordar questões como o abuso sexual, pedofilia, prostituição, casamento homossexual, teologia da prosperidade e política.
O autor pede misericórdia a Jesus Cristo e protecção para os enfermos e batalhadores.
O poema, que já está disponível nas plataformas digitais, foi criado tendo como base várias realidades sociais. Poeta Momentâneo disse à Gente que chegou à conclusão que o ser humano sobrevive num inferno, onde a fome,
a corrupção, as doenças consideradas comerciais e calamidades naturais, como a seca, terramoto e mar morto, não param de prejudicar as comunidades. “Procurei compreender como uma pessoa tem a capacidade de roubar um bem que servirá para o público! Esses prevaricadores conseguem pregar o olho?”, questiona o jovem autor .

Tempo

Multimédia