Gente

Embaixada de Angola presenteia Emanuele

Emanuele, menino italiano de 7 anos, escreveu uma carta dirigida à Embaixada de Angola em Itália para manifestar um desejo. Natural de Pisa, região de Toscana, Itália, o menino partilhou com os funcionários da Embaixada duas paixões: “desenhar as bandeiras dos Estados do mundo e jogar futebol no jardim de casa com o meu irmão Francesco, de cinco anos, e o meu pai Saverio.

Fotografia: DR

Assim, encontrei a forma para recolher as camisolas dos jogadores das selecções dos Estados de todo o globo.  Até agora, tenho uma dezena de camisolas”, lê-se na carta enviada por Emanuele à Embaixada. O menino escreveu ao consulado de Angola na esperança de receber de presente uma camisola da selecção angolana de futebol com as assinaturas dos jogadores. “Podem ajudar-me?  Seria uma prenda fantástica!  Sei que estou a pedir muito mas, com certeza, não podemos ir a todos os Estados à procura de uma camisola de futebol e ter a vossa seria deveras esplêndido. Espero que, pelo menos, possam me responder. Muito obrigado!”, escreveu o menino. Numa gentileza da Federação Angolana de Futebol (FAF), o embaixador Florêncio de Almeida ofereceu um kit a Emanuele e ao irmão, Francesco. A reacção do pai dos meninos foi de gratidão. “Bom dia, que maravilha! Nestes dias, acabou de chegar ao Emanuele e ao seu irmão Francesco a vossa fantástica prenda. Agradeço-vos do fundo do coração. É fantástico! Inclui também o cachecol e o boné”, escreveu o pai dos meninos. 

Tempo

Multimédia