Gente

Escola americana expôs na FILDA

Inovações tecnológicas, nomeadamente na Educação e na Saúde, e o aumento do número de empresas expositoras de 230 para 255, marcaram a 33.ª edição da Feira Internacional da Luanda (FILDA).

A escola norte-americana” The American School” foi aberta no centro de Luanda e em Talatona para ensinar desde o 1.º ciclo de ensino à 9.ª classe.
O professor catedrático angolano João Augusto Camacho, que vive na América há mais de 25 anos  e lecciona as disciplinas de matemática e física na Universidade Kemal, na cidade de Elizabeth, New Jersey, garantiu  no evento que a dinamização de uma Angola produtiva e exportadora motivou os representantes desta instituição escolar a introduzirem a “ The American School of Angola” no mercado, que vai facilitar a entrada dos estudantes nas universidades como “Adelphi University of Kansas”, University of Florida”; “University of Pacific”, “Lousiana Stae University”, entre outras.
Gente captou imagens do carismático e simpático professor João Camacho quando explicava as modalidades de ensino e pagamento da escola norte-americana em Angola aos visitantes.

Tempo

Multimédia