Gente

Florêncio de Almeida inaugura exposição de arte e cultura

árias personalidades diplomáticas, académicas e eclesiásticas, residentes em Roma, Itália, testemunharam a sessão inaugural da exposição de arte e cultura africana, uma iniciativa do grupo dos embaixadores africanos na Itália.

Fotografia: Cedida pela Embaixada de Angola na Itália

V O embaixador de Angola na Itália, Florêncio de Almeida, que falava na qualidade de presidente da comissão de informação e cultura do grupo dos embaixadores africanos na Itália, disse que a mostra deve contribuir para uma “melhor percepção de África, através do prisma do potencial artístico do nossos povos”. Referiu que a iniciativa, patente até 31 de Maio, conta com obras de artistas de diversos países de África. No âmbito das comemorações, foram realizadas várias actividades, com destaque para as mesas redondas subordinadas aos temas “Mudar a Percepção de África na Itália” e “Os Fluxos Migratórios e Suas Consequências Socioeconómicas”, que contaram com a participação de diplomatas africanos, jornalistas, académicos e personalidades de origem africana radicados na Itália. Gente exibe algumas imagens da cerimónia inaugural numa gentileza da Embaixada de Angola na Itália.

Tempo

Multimédia