Gente

Handanga na III Trienal de Luanda

As músicas “Ndumbalundo”, “Olonamba”, “Tenho saudades”, “Paulina”, “Carlito” e “Abílio”, que animaram os angolanos na primeira década deste século, foram recordadas na sexta-feira pelo seu autor,

O músico Justini Handanga
Fotografia: Dombele Bernardo

Justino Handanga, durante um espectáculo enquadrado na III Trienal de Luanda. Nascido no Huambo em Janeiro de 1969, o artista editou vários discos ao longo da sua carreira, iniciada em 1987, com realce para o CD de estreia, “Ondjonguele ya telisiwã” (2004), e “Homenagem a Valentim Amões” (2011).

Tempo

Multimédia