Gente

Márcio, o herdeiro dos manos

O pequeno Márcio Alves protagonizou um momento que ficará marcado na sua carreira. Márcio Alves, o mais novo do clã dos irmãos Paulo e Ricardo já tem animado as pistas dos amantes da música electrónica.

Fotografia: DR

Na sexta-feira, em companhia de Chris Vough e Hollywood, foi um dos DJ no Privee, um novo espaço situado na Sagrada Família, na Ingombota. Márcio Alves foi influenciado pelos irmãos e deu os primeiros passos em 2013, quando decidiu descobrir como eram feitas as edições de um programa de rádio, em que mais tarde passou a colaborar, o Mix FM. Juntando o gosto pela música electrónica e a rádio, começou por fazer algumas edições a partir de 12 de Abril de 2014 com pouca regularidade, por questões académicas. De forma espontânea, começa a tocar com frequência e os convites surgem não apenas em Luanda. Promotores de Benguela, Huambo, Porto Amboim e de outros pontos do país passaram a apostar no jovem, que luta para traçar a sua própria linha, não abdicando da supervisão dos irmãos. Ao longo da sua curta trajectória, colaborou no projecto de música electrónica We Love House Music e está na produção do Atrium Electronic Sunset, um evento dominical de divulgação do estilo.

Tempo

Multimédia