Gente

Músicos partilham experiência nas Canárias

Paulo Flores e Manecas Costa mostraram que, apesar das origens, são cúmplices em muitos aspectos.

Fotografia: Kindala Manuel|Edições Novembro

Foi nesta senda que Paulo Flores, na sua recente actuação nas Ilhas Canárias, decidiu convidar o guineense Manecas para um espectáculo durante os dias 14 e 15, no arquipélago espanhol localizado no oceano Atlântico, ao largo de Marrocos. Paulo Flores não desvendou o local onde iriam actuar, mas fez questão de revelar que se fez acompanhar da família. Dono de um reportório artístico invejável, Manecas é uma das figuras de referência da música guineense. Nasceu em 1967, em Cacheu. Em criança, teve a felicidade de conhecer José Carlos Schwarz, o mais importante músico da Guiné-Bissau. Desse encontro que o inspirou a pegar na guitarra, Manecas começou a tocar com 9 anos, juntamente com o seu irmão mais velho, Nelson, que resultou na criação do grupo “Africa-Livre”.

Tempo

Multimédia