Gente

O outro lado da Gente |Esperança Miranda

Uma cantora que trilha o seu caminho para o sucesso e já participou em diversos concursos e festivais musicais. Apesar de nunca ter ganho, Esperança Miranda chega sempre às finais, como sucedeu no The Voice Angola 2016. Dona de um talento singular, Esperança Miranda canta o amor, a dor e quotidiano das sociedades, nos estilos soul music, afro e r&b. Os seus músicos preferidos são Totó e Zahara.

Fotografia: The Voice Angola

Nome: Esperança Miranda Quizango.

Data de Nascimento:
29 de Dezembro de 1990.

Naturalidade:
Cazenga, Luanda.

Ocupação:
Cantora e artesã.

Estado Civil:
Solteira.

Filhos:
Não tenho.

Sente-se realizada?
Ainda não me sinto realizada, estou numa fase de descobertas.

Sonhos:
Gravar um álbum em homenagem à minha mãe.

Tem carro próprio:
Não.

Como se veste de segunda a sexta-feira?
Uso calças e blusas, mas sempre com um toque africano.

Ao fim-de-semana:
Basicamente simples.

Usa roupas de marca:
Raramente. Pretendo criar a minha própria marca.

Perfume:
La Vida é Bella 171 e Lacoste 41.

Vícios:
Criar arte, cantar e comer mandioca crua com ginguba.

Acredita em forças ocultas?
Sim, acredito.

Onde passa as férias?
Em Joanesburgo, África do Sul.

Ídolo:
Deus e os meus pais.

Tem casa:
Não tenho.

Bebida:
  Kissangua e sumo de múcua.

Sabe cozinhar:
Sei sim, principalmente pratos angolanos.

É ciumenta?
Sim, muito ciumenta, mas não sou violenta.
/>Desporto preferido? Basquetebol, voleibol e garrafinha.

Livro:
Bíblia Sagrada”, o “passaporte” para a vida.

Escritor:
Pepetela.

Uma boa companhia:
Música e televisão.

Músico:
Totó e Zahara.

Comida:
Funge de carne seca com beringela.

Virtude:
Humildade e solidariedade.

Defeito:
Sou muito auto-crítica e persistente naquilo que pretendo.

Que importância têm as mulheres para si?
Pelo facto de carregarem e gerarem uma vida, são muito valiosas. A paciência de suportar tudo isso admira-me bastante.

Cor preferida?
Todas as cores são lindas, mas para vestimenta gosto do preto.

Clube preferido?
Petro de Luanda e Real Madrid, aquele do Zidane.

Alguma vez mentiu?
Já, mas foi por uma boa causa.

Já foi enganada?
Sim, não adianta lembrar.

Ministro ou deputado, o que escolheria?
Escolhia ser deputada porque representa a vontade do povo.

O que acha da corrupção?
É um acto ilícito que prejudica a sociedade. Como tal, deve ser banido.

Homossexualidade:
Respeito a vontade de cada um, Deus até deu o livre arbítrio.

Poligamia:
Sou contra, até arrepia-me só de ouvir.

Tempo

Multimédia