Gente

O outro lado da gente /Tânia Batista

Tânia Marisa Quissanga Baptista é uma jovem com determinação, licenciada recentemente em Biologia e Geografia na área de Pedagogia, pela Universidade de Cienfuego Carlos Rafael Rodriguez, em Cuba. Tânia Baptista destaca-se por ser uma jovem que alimenta vários sonhos. Conheça o outro lado de Tânia Baptista.

Nome? Tânia Marisa Quissanga Baptista.
Ocupação? Estou desempregada.   
Data de nascimento? 30 de Outubro de 1991.
Calçado? 37.
Naturalidade? Luanda.
Estado civil? Solteira.
Filhos? Ainda não tenho filhos.
Sonhos? Primeiro, ter um emprego para ajudar Angola a desenvolver-se e casar para constituir família. 
Sente-se realizada? Sim. Orgulho-me por ter terminado o [ensino] médio e a minha licenciatura em pedagogia.
Tem carro próprio? Não tenho.
Tem casa? Também não tenho.
Que importância têm os homens para si? Os homens, para mim, tem muita importância, porque são dádivas que Deus pôs no Mundo. Eles merecem um tratamento especial.
Como se veste de segunda a sexta-feira? Visto calça, colã e saia.
E aos fins-de-semana? Sem grandes adereços. Com uma roupa simples.
Usa roupa de marca? Todos nós usamos roupa de marca. A minha preferida é a marca Azzaro.
Cor preferida? Vermelha e rosa.
Qual a marca de perfume que usa? Azzaro, Lavier, Pack Rabane, Reana e Britney.
Acredita em forças ocultas? Não acredito, mas existem. Deus, em primeiro lugar.
Onde passa as férias? Em Angola.
Cidade predilecta? Luanda.
Virtude? Solidariedade.
Defeito? Não tenho.
Vício? Também não tenho.
Ídolo? Os meus pais.
Livro? Bíblia Sagrada.
Escritor? Não tenho uma escolha predilecta. Gosto de escritores angolanos.
Música? Música gospel de autoria de Miguel Buila, Célsio Mambo e Lioth Cassoma.
Uma companhia? A minha família.
Bebida? Sumos naturais.
Comida? Bacalhau com natas.
Sabe cozinhar? Sim.
O quê, por exemplo? De quase de tudo, com destaque para funje, calulu, bacalhau com natas, arroz de cenouras e caldeirada.
É ciumenta? Sou e muito.
O que acha dos homens que batem nas mulheres? Considero-os pessoas de pouca personalidade e carácter. As mulheres não devem ser maltratadas. Devem ser tratadas com muito carinho e amor. Deve haver harmonia no seio da família. O casal deve dialogar.
Desporto? Futebol.
Clube? 1º De Agosto.
Alguma vez mentiu? Sim.
Já foi enganada ? Já.
Como reagiu? Reagi muito mal.
Ano que mais a marcou? Foi o ano em que terminei a minha licenciatura em 2018.
Porquê? Foi o ano em que terminei, porque foi difícil terminar o ensino superior no meio de muitas “lutas”.
O que acha da corrupção? Acho que é um mal que deve ser combatido. Não podemos ficar apenas por palavras.
Homossexualidade? Respeito e não julgo quem o pratica. Mas não concordo com a prática.
Poligamia? Não concordo e condeno quem pratica. Discordo completamente.

Tempo

Multimédia