Gente

Telma Lee é filha adoptiva de padre

A cantora Telma Lee surpreendeu os fãs com revelações íntimas da sua vida. Criada por sete mulheres lindas, como refere na sua mensagem aos seguidores no Instagram, a artista conheceu o homem que viria a tornar-se seu pai adoptivo, aos oito anos.

É filha adoptiva de padre
Fotografia: DR |

Trata-se do Frei Miguel Chacachama, seu padrinho de baptismo e da primeira comunhão.  "Desde aí eu podia dizer que também tenho pai e quando chegava a altura de dizer que o meu pai era padre, os meus olhos enchiam-se de alegria. Muito feliz, afinal, porque o meu pai é Servo de Deus... Sou ou não abençoada?". Telma Lee revelou igualmente aos fãs que tem um irmão mais velho e falou da sua gravidez, aos 16 anos, para completa decepção da família, numa altura em que o pai pretendia enviá-la para França, para dar continuidade aos estudos. " Magoei as pessoas que sempre depositaram confiança em mim... As pessoas riam-se das minhas tias, da minha mãe e do meu padrinho. Doía porque eu sabia que decepcionei muita gente. Três anos depois do nascimento do filho, Telma decidiu participar no concurso Angola Encanta que a guindou para a fama. Com o seu jeito meigo e encantador, bem como a sua voz melodiosa e agradável, a artista conquistou a simpatia dos angolanos arrebatando o terceiro lugar na edição que elegeu vencedor o jovem Rui Orlando. Gente deseja muitas felicidades e sucesso à autora de vários êxitos musicais que encantam crianças, jovens e adultos.

Tempo

Multimédia