Mundo

Amadou Coulibaly é primeiro-ministro

O antigo secretário-geral da Presidência da Costa do Marfim, Amadou Gon Coulibaly, 57 anos, foi nomeado na terça-feira primeiro-ministro em substituição de Daniel Kablan Duncan, agora vice-presidente, cargo criado na sequência da reforma constitucional de Novembro.

O documento oficial que anuncia a nomeação refere que o novo primeiro-ministro “dever propor uma nova equipa de Governo no menor tempo possível”.
Estas mudanças ocorrem a 72 horas do fim de motins militares, que se estenderam por dois dias por solicitação de melhorias salariais e outros aspectos laborais.
Amadou Coulibaly pertencia ao partido Reunião dos Republicanos (RDR), do Presidente Alassane Ouattara e que integra uma coligação com o Partido Republicano do antigo Presidente Henri Konan Bédié. O novo primeiro-ministro é igualmente prefeito de Korhogo, principal cidade do norte do país.
Na véspera, o Presidente da Costa do Marfim destituiu os chefes de Segurança do Estado após a sublevação de uma facção do Exército que exige melhorias salariais manter o país em alerta máximo.

Tempo

Multimédia