Mundo

Confrontos entre facções rebeldes provocam 17 mortes

Pelo menos 17 civis morreram e vários outros ficaram feridos num confronto entre duas facções rebeldes em Yei, cidade fronteiriça do Sudão do Sul, anunciou ontem a Polícia.

Fotografia: DR

O porta-voz da Polícia, Daniel Justice, explicou que os últimos combates em Yei entre o principal grupo rebelde, o Exército de Libertação do Povo Sudanês da oposição (SPLA-IO) e a Frente Nacional da Salvação (NAS), causaram também o deslocamento maciço de civis. O porta-voz militar adjunto da SPLA-IO, Lam Paul Gabriel, acusou as forças do NAS, fiéis ao general Thomas Cirilo Swaka, de terem atacado as suas bases em Minyori, Logo e Yei. Lam Paul acusa as forças governamentais estacionadas em Mboro, no Leste do Estado de Wau, de ataques constantes contra a sua facção em Ngisa, Tado e Ngoku desde o início do mês.

Tempo

Multimédia