Mundo

Descoberto no Egipto sarcófago com mais de dois mil anos

Um sarcófago com mais de dois mil anos foi descoberto em Alexandria, no Egipto, enquanto decorriam construções no local.

Fotografia: DR

Trata-se do maior sarcófago do género descoberto na cidade, com quase 1,85 metros de altura, 2,65 metros de comprimento
e 1,65 metros de largura.
Os arqueólogos estão a preparar-se para abrir o sarcófago, que estava ao lado de uma cabeça branca em alabastro que os profissionais acreditamser do habitante do túmulo e que permaneceu intacto desde que foi enterrado há mais de dois mil anos. “Esperemos que este túmulo possa pertencer a um dos altos dignitários do período”, disse Ayman Ashmawy, director do departamento de Antiguidades Egípcias.
Segundo os profissionais, trata-se de um sarcófago que remete ao período depois da morte de Alexandre, o Grande, em 323 A.C. Esta é uma descoberta rara, tendo em conta que grande parte dos túmulos antigos egípcios ficaram danificados com o passar do tempo, sendo pouco comum encontrar algum sarcófago intacto.

Tempo

Multimédia