Mundo

Governo amnistia 111 prisioneiros da região de Tigray

O Governo etíope anunciou a decisão de amnistiar 111 prisioneiros do Estado regional de Tigray, no norte do país, noticiou a Prensa Latina.

 

Fotografia: DR

A declaração emitida pelo Ministério dos Assuntos da Comunicação não menciona a identidade dos detidos, nem os crimes de que foram acusados e que provocaram a sua detenção. Segundo informações oficiais, as libertações foram concedidas no quadro das celebrações do dia dos mártires desse território, que se celebra anualmente a 22 de Junho.
O 22 de Junho é comemorado em homenagem a um sangrento ataque aéreo contra visitantes dum mercado na cidade de Hawzen, em 1988, considerado como um dos episódios mais tristes da guerra civil, que eclodiu entre 1975 e 1991.
Esse conflito terminou quando uma coligação rebelde dirigida pela Frente de Libertação do Povo do Tigray ocupou, Adis Abeba, assumindo por conseguinte o controlo da Etiópia, país localizado no denominado “Corno de África”.

 

 

Tempo

Multimédia