Mundo

Marfim apreendido em Maputo roubado no Niassa

Parte das três toneladas do marfim apreendido no mês passado no Porto de Maputo, foi roubada nos armazéns da direcção provincial de Terra, Ambiente e Desenvolvimento Rural e do Serviço de Investigação Criminal (Sernic), ambos na cidade de Lichinga, no Niassa, norte de Moçambique.

 

O relatório da perícia elaborado pela Administração Nacional das Áreas de Conservação ao produto apreendido a 12 de Abril pela Autoridade Tributária, indica que o marfim em causa havia sido roubado naqueles armazéns entre Abril de 2016 e Abril de 2017, num total de 813 quilogramas.

 

 

Tempo

Multimédia