Mundo

ONU defende petrolífera contra tentativas de divisão

A principal empresa petrolífera da Líbia saudou, ontem, a advertência recentemente feita pela Missão de Apoio das Nações Unidas na Líbia (MANUL) contra a divisão das funções desta companhia.

Fotografia: DR

Num comunicado a que a AFP teve acesso, a Empresa Nacional de Petróleo da Líbia, considera a posição das Nações Unidas uma “reafirmação pela comunidade internacional” do direito exclusivo a importar e exportar o crude e os seus derivados, acrescentando que esta iniciativa representa uma etapa importante para conter as tentativas de divisão do país. A NOC sublinha que o petróleo
e os recursos naturais da Líbia, são propriedade de todo o povo e não devem ser utilizados para fins militares. A MANUL advertiu contra os esforços para dividir as funções da Empresa de Petróleo.

Tempo

Multimédia