Mundo

Referendo aprova reforço dos poderes do Presidente

A revisão constitucional que permite o reforço dos poderes presidenciais e manter Abdel Fattah al-Sisi no poder até 2030 foi aprovada em referendo com 88,83 por cento dos votos, revelou ontem a agência Mena.

Fotografia: DR

A Autoridade Nacional de Eleições, citada pela agência egípcia de notícias, avançou que a taxa de participação no referendo foi de 44,33 por cento.
O referendo decorreu em todo o país entre os dias 20 e 22 deste mês para que os egípcios se pronunciassem sobre a modificação de uma série de artigos
da Constituição, nomeadamente os que limitavam a dois os mandatos presidenciais consecutivos. A oposição acusa a Autoridade Nacional de Eleições
de realizar o referendo praticamente sem um debate prévio que pudesse explicar às pessoas sobre em que estavam a votar.
Entre outros pontos, o referendo aprovou a extensão do segundo mandato presidencial de quatro para seis anos, abrindo a possibilidade de um terceiro mandato igualmente de seis anos.

Tempo

Multimédia