Mundo

Wesley Batista preso

A polícia brasileira prendeu ontem o presidente da multinacional do sector de carnes JBS, Wesley Batista, irmão do empresário que acusou o Presidente do Brasil, Michel Temer, de corrupção.

Patrão da multinacional do sector de carnes foi detido
Fotografia: Sérgio Lilima | AFP

O presidente da JBS é acusado de usar informações privilegiadas para lucrar no mercado financeiro antes da divulgação dos depoimentos de vários executivos da companhia, que envolveram centenas de políticos num grande escândalo de corrupção.
Os irmãos Batista acusaram o Presidente brasileiro de receber subornos do grupo JBS.

Tempo

Multimédia