Mundo

Anunciada libertação de mais de 800 prisioneiros

O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, prometeu libertar 887 prisioneiros das cadeias do país durante um discurso por ocasião do Eid al-Fitr, a festa que assinala o fim do mês de jejum do Ramadão.

Fotografia: DR

Ghani não precisou quais os crimes de que são acusados ou se são membros dos talibãs. No decurso de uma assembleia pela paz que reuniu em Abril altos responsáveis afegãos na capital, Ghani sugeriu a libertação de 175 prisioneiros talibãs em sinal de “boa vontade”.
O Presidente propôs ainda à rebelião um cessar-fogo por ocasião da abertura do Ramadão, em Maio, mas os talibãs declinaram a oferta.

Tempo

Multimédia