Mundo

Assassinado comandante da base militar onde estavam drones americanos

Dois oficiais das Forças Armadas do Niger, entre os quais o comandante da estratégica base de Dirkou que alberga drones americanos, foram mortos, em Agadez, por traficantes de droga.

Presidente nigerino, Mahamadou Issoufou
Fotografia: Angop

“Os dois militares foram mortos e vários outros ficaram feridos quando a sua coluna, que circulava no norte, foi atacada por traficantes de droga fortemente armados”, disse hoje uma fonte policial em Agadez, norte do Níger.

Depois do ataque, o Presidente nigerino, Mahamadou Issoufou, convocou uma reunião do Conselho de Segurança Nacional composto pelos chefes militares do país, segundo a televisão estatal.

A estratégica base de Dirkou alberga drones americanos, que desde 2018 dão aos Estados Unidos uma plataforma de primeiro plano no quadro do combate contra os grupos jihadistea do Sahel.

Entretanto, pelo menos 121 rebeldes nigerinos e o seu principal líder, Mahamat Tinaymi, renderam-se às autoridades a quem entregaram publicamente as armas durante, um acto realizado na região de Dirkou. Segundo o site noticioso “Allafrica”, estes combatentes provêm do sul da Líbia, onde se registam violentos combates com os homens do general Haftar.

 

Tempo

Multimédia