Mundo

China adia por alguns dias ronda para negociar a paz no Afeganistão

A China adiou por alguns dias a ronda inter-afegã de negociações entre os talibãs e membros da sociedade civil agendada para 28 e 29 de Outubro em Pequim, para relançar o processo de paz.

Fotografia: Dr

“O Governo chinês informou-nos sobre o atraso e pediu-nos alguns dias”, disse ontem o porta-voz dos talibãs, Zabihullah Mujahid, à agência de notícias espanhola EFE.
O porta-voz, que reconheceu que não tem conhecimento do motivo do atraso, acrescentou que ainda não se conhece a nova data da ronda, estando a aguardar mais detalhes.
A delegação de 15 membros dos talibãs, chefiada por Mulá Baradar, chefe dos rebeldes no Qatar, “ainda não se havia deslocado para a conferência na China”, explicou Mujahid. Os rebeldes, que há um mês tinham já enviado uma delegação à China, indicaram, na semana passada, que o diálogo seria realizado no âmbito das negociações em Moscovo e Doha.

Tempo

Multimédia