Mundo

Dois jornalistas franceses detidos e espancados

Dois jornalistas franceses que trabalham para a Agência France-Press (AFP) na República Centro Africana (RCA) foram detidos e seus equipamentos confiscados e destruídos no fim-de-semana durante a dispersão de uma manifestação da oposição em Bangui, anunciou a AFP.

Fotografia: DR

Os dois correspondentes, Charles Bouessel (28 anos) e Florent Vergnes (30 anos), relataram que foram mantidos em detenção por mais de seis horas e interrogados três vezes depois de terem sido presos e espancados por membros do Escritório Centro Africano para a Repressão do Banditismo (OCRB).
Acreditados para trabalhar naquele país, os dois jornalistas foram presos e mantidos pelo OCRB e depois transferidos para as instalações da Direcção dos Serviços da Polícia Judiciária (DSPJ) em Bangui, de acordo com fontes diplomáticas, o ministro da Justiça centro africano e os dois jornalistas da AFP.

Tempo

Multimédia