Mundo

Eleições presidenciais são antecipadas para Setembro

A Instância Superior Independente para as Eleições (ISIE) da Tunísia anunciou que as eleições presidenciais terão lugar no dia 15 de Setembro, em vez de 17 de Novembro como havia inicialmente previsto, noticiou sexta-feira a AFP.

Fotografia: DR

“A ISIE decidiu, após uma reunião, organizar as presidenciais a 15 de Setembro”, afirmou a porta-voz da ISIE, Hasna Ben Slimen.
A responsável assegurou, por outro lado, que a data das legislativas não mudou, permanecendo a 6 de Outubro e 4, 5 e 6 do mesmo mês para os tunisinos residentes no estrangeiro.
Quinta-feira de manhã, a Presidência da República anunciou a morte de Béji Caid Essebsi, aos 92 anos, afirmando que os detalhes relativos ao seu funeral seriam anunciados mais tarde. Também na quinta-feira, o presidente da Assembleia dos Representantes do Povo, Mohamed Ennaceur, foi empossado como Chefe de Estado em exercício após a morte de Beji Caid Essebsi.
Mohamed Ennaceur disse na televisão nacional que assumia a Presidência do país, precisando que “o Estado continua a sua actividade e que, segundo a Constituição, é o presidente da Assembleia dos Representantes do Povo que assegura a Presidência”.
Ennaceur exercerá, assim, as funções de Presidente da República por um período máximo de 90 dias, durante os quais deverão decorrer as eleições presidenciais (a duas volta, se for necessário).

Tempo

Multimédia