Mundo

Empresas de Hong Kong aderem aos protestos

Dezenas de empresas de Hong Kong anunciaram a intenção de fechar as portas, a partir de hoje, para protestar contra o plano do Governo local de permitir a extradição para a China.

Dezenas de empresas encerraram as portas em protestos às autoridades
Fotografia: DR

Na segunda-feira, a chefe do Executivo de Hong Kong assegurou que o Governo vai mesmo avançar com a proposta de lei da extradição, apesar da antiga colónia britânica ter sido palco de um protesto em massa no domingo contra o texto.
Segundo os organizadores, mais de um milhão de pessoas enfrentaram o calor sufocante no domingo e saíram à rua para pedir ao Executivo de Hong Kong que abandonasse a proposta.


Notícia em desenvolvimento ...

Tempo

Multimédia