Mundo

Encontro com Nyusi produziu avanços

O líder da RENAMO, Afonso Dhlakama, afirmou que o encontro com o Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, “produziu compromissos” para acelerar as negociações de paz efectiva e serviu para medir a confiança entre ambas as partes.

Moçambicanos esperam ver repetidos gestos que levam à paz
Fotografia: Sérgio Costa | AFP


“Conversámos e chegámos à conclusão de que haviam questões que não podiam limitar-se pelo telefone, que era preciso enfrentar-nos cara-a-cara”, afirmou aos meios de comunicação o líder da RENAMO. Afonso Dhlakama, que falava da Serra da Gorongosa, onde se encontra refugiado desde o início de 2016, garantiu que o encontro de domingo permitiu às duas partes avanços negociais e aumentou a confiança mútua.
“O encontro serviu para confirmar essa nova relação. Falávamos sempre, falámos desde Janeiro e esses contactos permitiram aumentar a confiança, o que levou o Presidente Nyusi a vir às matas da Gorongosa numa procura pela paz”, sublinhou o líder da RENAMO.
Dhlakama explicou que a reunião na Serra da Gorongosa, onde se encontra, foi preparada e planificada entre os dois líderes.
“Conseguimos de facto atingir alguns compromissos e chegámos à conclusão de que as comissões (sobre assuntos militares e de descentralização) tinham que continuar a trabalhar até finais do ano e concluir tudo aquilo que está agendado”, disse Afonso Dhlakama, que insistiu que “a esperança para resultados sólidos para a paz aumentou.”

Tempo

Multimédia