Mundo

Estados americanos condenam violência na Nicarágua

O conselho permanente da Organização dos Estados Americanos (OEA) aprovou quarta-feira, com 21 votos a favor, três contra e sete abstenções, uma resolução que condena a violência na Nicarágua, país que está a ser abalado por protestos contra o Governo de Daniel Ortega.

Fotografia: DR

O documento “condena vigorosamente” os actos de repressão promovidos pela Polícia e outros grupos paramilitares e exorta o Governo da Nicarágua a apoiar um novo calendário eleitoral no país e a dialogar com a oposição. A resolução foi proposta pela Argentina, EUA, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica e Peru e teve o apoio de Brasil, Uruguai e Equador. O representante da Nicarágua,  Luís Alvarado Ramírez, acusou a OEA de agir como uma “santa inquisição”.

Tempo

Multimédia