Mundo

Família de milionário raptado oferece prémio para a sua libertação

A família do jovem bilionário tanzaniano raptado na semana passada, oferece uma recompensa equivalente a 440 mil dólares pela sua libertação.

Fotografia: DR

Mohammed Dewji, que aos 43 anos é considerado o mais jovem bilionário africano, foi raptado por homens armados na semana passada, em Dar es Salaam, quando seguia no seu carro para um ginásio, de que é proprietário. A Polícia tanzaniana prossegue as investigações sobre o caso, disse ter detido 20 pessoas, alegadamente relacionadas com o rapto, mas Mohammed Dewji ainda não foi libertado.
Um porta-voz da Polícia acredita, que o desaparecimento do jovem bilionário tenha por detrás  mão criminosa de um grupo de bandidos, liderados por dois indivíduos “extremamente perigosos”, que estiveram presos até há um ano atrás por prática do mesmo tipo de crime.

Tempo

Multimédia