Mundo

França vai abandonar técnica policial que asfixiou Floyd

O ministro do Interior de França anunciou hoje (8) que a polícia francesa vai deixar de utilizar a técnica de controlo que levou à asfixia de George Floyd, como parte de uma política de "tolerância zero" com o racismo.

Fotografia: DR

 Christophe Castaner anunciou que "o método de prender o pescoço através de estrangulamento será abandonado e deixará de ser ensinado nas academias de polícia".

 "Nenhum racista pode envergar dignamente o uniforme da polícia ou da 'gendarmerie'", disse o ministro numa conferência de imprensa, depois das manifestações de milhares de pessoas em França contra o racismo e a violência policial, no contexto dos protestos globais pela morte do negro norte-americano George Floyd e de novos dados relativos a um caso ocorrido em França em 2016.

 

Tempo

Multimédia