Mundo

Identificado encontro sexual fora de África que levou ao 'Homo Sapiens'

Os resultados, publicados na revista 'Sapiens', revelaram um novo capítulo do cruzamento entre Sapiens e Neandertais, já extintos, que aconteceu há cerca de 300 mil anos.

Fotografia: DR

Investigadores acreditam ter descoberto a data em que ocorreu o primeiro encontro sexual dos nossos antepassados 'Homo Sapiens' fora de África. O encontro, terá ocorrido há cerca de 300 mil anos, entre 'Sapiens' e 'Neandertais' e foi responsável pela população que viveu na zona que actualmente corresponde à Europa.

Segundo a BBC, o artigo que prova esta descoberta foi publicado na revista científica 'Sapiens' e revela o cruzamento mais antigo entre espécies de que há conhecimento. Este encontro, entre duas das três espécies de hominídeos que habitavam a terra há 300 mil anos, terá sido responsável pelo aparecimento do 'Homo Sapiens', que só apareceu 200 mil anos depois.

style="text-align: justify;">A equipa de investigadores internacionais analisou os restos mortais de três 'Neandertais', incluindo os ossos de um bebé, que morreu no que hoje é a Rússia há cerca de 44 mil. Os ossos de um adolescente da mesma espécie, que viveu sobretudo na Europa, também foi estudado. Ambas as ossadas foram encontradas na gruta de El Sidron, em Espanha.

Durante a investigação, os restos mortais masculinos foram a maior ferramenta, visto que possibilitou a análise do cromossoma Y, que é a marca genética da paternidade que passa de pais para filhos. A ideia era simples: Tentar compreender se tinham sido os machos 'Neandertais' a acopularem com fêmeas 'Sapiens' ou o contrário.

Tempo

Multimédia