Mundo

Moçambique: Frelimo vence nas províncias de Maputo e Gaza

A Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo) e o seu candidato presidencial, Filipe Nyusi, arrebataram as províncias de Maputo e Gaza, no sul do país, nas eleições de há uma semana.

Fotografia: DR

Restam apenas por divulgar os resultados da província de Niassa, segundo a informação dos órgãos eleitorais provinciais que tem sido divulgada pelos órgãos de comunicação social moçambicanos.

A Frelimo e Nyusi venceram com maioria absoluta as três eleições (presidenciais, legislativas e provinciais) em todos os 10 círculos eleitorais onde o apuramento tem vindo a ser divulgado desde sexta-feira.

O melhor resultado foi obtido na província de Gaza, reduto da Frelimo, com vitórias acima de 90 por cento. O recenseamento eleitoral no círculo eleitoral de Gaza motivou queixas da oposição e dúvidas de observadores eleitorais por alegadamente incluir 300.000 eleitores a mais em relação à população com idade para votar.

Além desta polémica, a Resistência Nacional Moçambicana (Renamo) e o Movimento Democrático de Moçambique (MDM) alegam ter existido fraude generalizada, em todo o país, pelo que rejeitaram os resultados eleitorais. A lei prevê que até dia 30 os resultados sejam anunciados em cerimónia pública pelo presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE).

 

Tempo

Multimédia