Mundo

Onze mortos por milícias no nordeste da República Democrática do Congo

Onze pessoas, civis e militares, morreram no sábado, num ataque atribuído a milícias em Ituri, no nordeste da República Democrática do Congo (RDC), revelou hoje fonte local.

Fotografia: DR

Militares, polícias e um funcionário da administração contam-se entre as vítimas mortas na "emboscada" a dois veículos na vila de Matete, em Bunia, capital da província de Ituri, segundo o administrador do território Djugu, Adel Alingi Mokuba, em declarações à agência AFP.

"O número de mortos é de onze, incluindo o vice-administrador do território encarregado da economia e finanças, três policias e quatro soldados", detalhou.

A emboscada está a ser atribuída ao grupo armado Codeco. Entre Outubro e o final de Maio, pelo menos 531 civis foram mortos por grupos armados em Ituri, incluindo 375 desde Março, segundo a ONU.

Em Janeiro, as Nações Unidas já estimavam que 701 pessoas haviam sido mortas nessa região desde Dezembro de 2017.

Tempo

Multimédia