Mundo

Papa solidário com populações de Cabo Delgado

O Papa Francisco manifestou ontem, a sua proximidade à população de Cabo Delgado, no Norte de Moçambique, “que está a sofrer por causa do terrorismo internacional”.

Papa solidário com populações de Cabo Delgado, em Moçambique
Fotografia: DR

“Faço-o com a viva memória da visita que realizei a este querido país, há cerca de um ano (4-6 de Setembro de 2019)”, referiu, desde a janela do apartamento pontifício, no Vaticano, após a recitação da Oração do Ângelus.

Na última quarta-feira, o bispo de Pemba, na província moçambicana de Cabo Delgado, disse aos jornalistas que recebeu um telefonema do Papa e que Francisco acompanha a si-tuação na província “com muita preocupação”.

“Esse telefonema do Papa vem mostrar a sua proximidade com o povo de Cabo Delgado, com todos aqueles que estão a sofrer, com todos aqueles que estão a viver com medo, que estão a dormir nas matas.

Por aqueles que estão a ser acolhidos por muitas famílias em Cabo Delgado, de Pemba e de outros distritos, com aqueles que estão a viver em acampamentos, em condições ainda muito difíceis”, disse Dom Luiz Fernando Lisboa, em conferência de imprensa, transmitida online.

 

Tempo

Multimédia