Mundo

Pequim apoia decisão de suspender Lei da Extradição

O Governo chinês afirmou ontem que apoia a decisão das autoridades de Hong Kong de suspender a polémica proposta de Lei de Extradição, entendendo que a suspensão visa ouvir várias opiniões sobre o projecto.

Fotografia: DR

“Apoiamos, respeitamos e entendemos essa decisão”, afirmou o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da China, Geng Shuang, em comunicado citado pelas agências internacionais de notícias.
A suspensão visa “ouvir mais amplamente” as várias opiniões sobre este projecto e “restaurar a calma o mais rapidamente possível” no território, acrescenta a nota.
A líder do Executivo de Hong Kong, Carrie Lam, anunciou ontem em conferência de imprensa a suspensão da legislação sobre extradição, sem estabelecer qualquer prazo.
A polémica proposta de lei, que permitiria que a chefe do Executivo e os tribunais de Hong Kong processassem pedidos de extradição de suspeitos de crimes para jurisdições sem acordos prévios, como é o caso da China continental, levou centenas de milhares de pessoas à rua na última semana.

Tempo

Multimédia