Mundo

Presidente da Nigéria promete tirar 100 milhões de pessoas da pobreza

"Com liderança e motivação, podemos livrar da pobreza 100 milhões de nigerianos em dez anos", afirmou Buhari, durante um discurso em Abuja, para comemorar a restauração da democracia em 1999, no país mais populoso da África, com quase 200 milhões de habitantes.

Presidente negeriano promete retirar 100 milhões de pessoas da pobreza
Fotografia: DR

“Podemos conseguir", garantiu o chefe de Estado, em referência a países também muito populosos que combateram a pobreza, diante de um auditório no qual se destacavam 11 presidentes de nações africanas como Rwanda e Ghana.
Buhari ressaltou que a Nigéria é um grande país. Segundo estimativas das Nações Unidas, a população subirá a 411 milhões em 2050, o que o transformará no terceiro país mais populoso da Terra, atrás apenas de China e Índia".
Muhammadu Buhari, que foi reeleito nos pleitos de 23 de Fevereiro, chegou ao poder em 2015 com a promessa de acabar com o terrorismo do Boko Haram e hoje assegurou que continuará a luta contra os jihadistas.
O presidente, de 76 anos, lembrou que em 2015, o grupo terrorista, que luta para impor um Estado islâmico na Nigéria, "podia ficar à vontade para atacar qualquer cidade, inclusive a capital federal", Abuja, ao contrário de hoje em dia.
No entanto, admitiu que persistem "alguns desafios" em zonas rurais, onde os jihadistas cometem ataques e sequestros.
Outra das promessas de Buhari em 2015 foi a recuperação da economia do país, que saiu da recessão em 2017 e crescerá 2,7% este ano, segundo o governante, embora esse número esteja abaixo da previsão de 3% do Banco Central da Nigéria.

 

Tempo

Multimédia