Mundo

Trump confirma operação para deportar imigrantes

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou ontem, uma grande operação para deportar migrantes irregulares, começa neste fim-de-semana. “Eles vieram ilegalmente”, afirmou Trump aos jornalistas na Casa Branca.

Presidente norte-americano anuncia expulsão de ilegais
Fotografia: DR

“Vamos expulsar as pessoas e levá-las de volta aos seus países”, acrescentou.
A operação começa amanhã, é destinada a duas mil pessoas, em pelo menos 10 cidades e pode incluir “deportações colaterais”, refere um relatório publicado pelo The New York Times.
Em Junho, Trump anunciou que os Estados Unidos iam deportar “milhões de imigrantes ilegais”, de acordo com o discurso contra a imigração irregular, o pilar da sua campanha e seu Governo.
A operação foi adiada, a fim de dar tempo ao Congresso para tentar um compromisso sobre as medidas de segurança a adoptar, na fronteira com o México.
Os democratas reagiram dizendo que esses planos ameaçam, potencialmente as pessoas que vivem nos Estados Unidos há anos e cujas famílias costumam incluir crianças americanas.
A ameaça de deportações assusta muitas comunidades nos Estados Unidos.
Várias Associações distribuem manuais que incluem instruções sobre como se comportar, se forem interpelados pelos agentes e quais são os seus direitos.
Organizações de direitos humanos uniram-se para processar o Procurador-Geral, William Barr, e as agências envolvidas para evitar deportações, afirmam que a operação de deportação viola o devido processo legal.

Tempo

Multimédia