Opinião

As crises em África

É com muita  tristeza que me apercebo das crises políticas em vários países africanos, as  quais resultam não raras vezes em conflitos sangrentos.

É lamentável que depois de muitos anos   de independência  de muitos  países africanos , muitos filhos do continente  continuem a sofrer , porque os políticos dos seus países não se entendem. É uma pena que a África continue a ser marcada pela violência e por crimes contra a humanidade. O que falta afinal aos políticos africanos para protagonizarem  acções no sentido da pacificação dos seus países  e  tomarem medidas  visando pôr termo a atrocidades  que têm ceifado muitas vidas humanas  e causado catástrofes  humanitárias? Como africana, gostava que as organizações do continente  actuassem com maior celeridade e eficiência no sentido  de se conter a violência no nosso  continente.  Sei que não é tarefa fácil, mas ,se houver persistência ,  acredito que  se pode  acabar  com muitas situações de conflito num continente que deve começar  a  evoluir para   o crescimento económico  e progresso social.  Somos um continente com muitas riquezas naturais, de que não tira benefícios  grande parte  das populações  africanas.  Temos  nós, africanos, de lutar pela  instauração da estabilidade nos nossos países,  com vista  a    trabalharmos exclusivamente em prol  do desenvolvimento económico e social.

Rebeca  António | Marçal

Tempo

você e o jornal de angola

PARTICIPE

Escreva ao Jornal de Angola.

enviar carta

Multimédia