Opinião

Cartas dos Leitores

 A Selecção nacional
Assisti pela televisão ao jogo entre os Palancas Negras e a Mauritânia. Devo dizer que há muito que não via a nossa selecção a jogar com muita qualidade. Fiquei deveras satisfeita  com a exibição da nossa selecção nacional, que pode vir a jogar ainda melhor. Não esperava que a nossa selecção viesse a golear a Mauritânia que vinha de uma vitória sobre o Burkina Faso,  que é uma selecção com jogadores de elevado nível. Fiquei curiosa em saber que selecção da Mauritânia é esta que  conseguiu  vencer o Burkina Faso, e  é por isso que vi o jogo de Angola com os mauritanianos do principio ao fim. É preciso reconhecer que o actual treinador dos Palancas Negras está a fazer um bom trabalho, a julgar pela qualidade do futebol que praticou no jogo da última Sexta-feira.   Ouvi dizer que há problemas com os salárias da equipa técnica da nossa selecção. Espero que o actual treinador dos Palancas  Negras se vá embora, como aconteceu com Hervé Renard, que acabou por ser campeão africano quando treinou a Zâmbia e a Côte d'Ivoire. Os angolanos  festejaram a vitória de Angola  sobre a Mauritânia e acreditam que  um novo ciclo de bons resultados se vai iniciar, com a actual equipa técnica. Não se deve brincar  com a alta competição. Deve  haver dinheiro para pagar os vencimentos da equipa técnicas. Gostei da forma como o treinador dos Palancas Negras montou equipa no jogo de sexta-feira última com a Mauritânia. Ele e,  não gosta de defender resultados, mesmo estando a vencer. Ao colocar Geraldo e Vá em campo, ele quis "esmagar" a selecção mauritaniana, que, quanto a mim, tem  fragilidades na defesa.  Gelson Dala, Geraldo e Vá formaram na segunda parte um  ataque demolidor. Espero que  no jogo de amanhã,. terça-feira, na casa do adversário, a selecção nacional tenha o mesmo desempenho. É também possível vencer na Mauritânia. Mas atenção: a selecção da Mauritânia tem qualidade, em termos globais. Todo o cuidado é pouco.
 Alice  João |Maculusso     


Formação dos professores
Gostava que os nossos professores tivessem a possibilidade de beneficiar de bolsas de estudo para aumentar os seus conhecimentos no exterior do país. Temos  professores que dão aulas  há muitos anos e que nunca puderam frequentar cursos de forma regular para superarem as suas deficiências. Penso que a qualidade de ensino tem de passar pelo envio de professores angolanos ao exterior do país, em particular os que estão no ensino primário. Vale a pena gastar dinheiro com a educação. Um bom ensino gera desenvolvimento. Os países que investiram no ensino estão hoje a desfrutar dos benefícios da sua  qualidade.   
Jesus  Lucas| Ilha de Luanda


Limpeza  de ruas
Sou da opinião de que se deve  mudar o modelo de limpeza da cidade de Luanda. Defendo que   as operadoras de limpeza  deviam também proceder à limpeza de vias secundárias e terciárias. Que não se coloquem grandes contentores nessas ruas,  até porque elas já são estreitas. Que se recolhesse o lixo que os cidadãos colocassem à sua porta em sacos  de plástico. Penso que, pela taxa  do lixo que os cidadãos pagam, o Estado devia prestar um melhor serviço. Há pessoas que têm de percorrer mais de 500 metros a pé para depositar o lixo em contentores que só se encontram nas vias principais.
Arménio Silva  |Prenda

Tempo

você e o jornal de angola

PARTICIPE

Escreva ao Jornal de Angola.

enviar carta

Multimédia