Opinião

Controlo das emissões

Muito se fala lá fora sobre a necessidade dos países controlarem as emissões de substâncias que provocam males ambientais e à saúde. Falo das emissões de gases saídos dos escapes das viaturas, dos motores geradores e outras actividades que acabam por empobrecer o ar.

Na verdade, todos os dias vemos a circular numerosas viaturas a fumegar de todos os lados sem que haja regulação para impedir que tais viaturas continuem a circular livremente pela cidade. Há geradores por tudo quanto seja canto da cidade e não sei se temos ou não uma legislação que proíbe de facto as emissões de gases poluentes para a  atmosfera, como se deitam para as ruas águas residuais das casas nas zonas periféricas. Embora não tenhamos noção dos prejuízos, não há dúvida de que a continuar assim vamos ter problemas graves com o estado do nosso ar, com o aumento das chamadas partículas finas que perigam gravemente a saúde. Há muitas cidades africanas com níveis elevados de presença das chamadas partículas finas, além da degradação das condições de visibilidade, realidade que precisa de nos levar à reflexão. Para terminar, gostaria que as autoridades angolanas, particularmente aquelas que superintendem questões ligadas ao ambiente, acompanhassem mais de perto os níveis de emissões e as suas consequências para a saúde e ambiente.

Pedro Nascimento | Nzeto

Tempo

você e o jornal de angola

PARTICIPE

Escreva ao Jornal de Angola.

enviar carta

Multimédia