Citações

Citações

As eleições  passadas foram elogiadas pela sua organização, estas recentes são a expressão confirmatória de que Angola pode fazer coisas melhores.

José Marcos Barrica | Embaixador de Angola em Portugal

Mais Citações

  • “O Estado, dentro do espírito de liberdade de religião, deve ter o controlo e mandar fechar as seitas que estão contra o desenvolvimento da Nação. Deste modo, estaria a evitar uma confusão terrível no meio do povo. Aproveitar-se da situação de pobreza ou de miséria para explorar o povo, em benefício próprio, penso não ser justo.”
    D. Vicente Carlos Kiaziku | Bispo da Diocese de Mbanza Kongo


    “A República Democrática do Congo é um grande viveiro de seitas e o salto para o nosso país é fácil, devido à aproximação . Os ditos pastores estão a enganar o povo, aproveitando-se do carisma de apresentar o evangelho e no falar. Conquistam pessoas inocentes , enchem-se de dinheiro deste povo e fogem.”
    Idem


    “O registo de nascimento é o primeiro acto civil na vida de uma pessoa e onde consta o seu nome, o dos pais e o seu sobrenome.”
    Francisco Queiroz  |  Ministro da Justiça e dos Direitos Humanos


    “Se quisermos combater a pobreza e a vulnerabilidade, temos de dar a conhecer , identificar as pessoas que vivem em situação crítica, para que possamos colocar onde for necessário os serviços sociais e reduzir o índice de pobreza."
    Governador provincial do Moxico

  • Alguns dos leitores hão-de confirmar a veracidade do que lembro a seguir, quando o que comíamos, salvo raríssimas excepções, era comprado avulso, do açúcar à banha, passando pela fuba, arroz, feijão, tudo embrulhado em papel.

    Luciano Rocha

  • Antes do petróleo foi o carvão mineral. A maldita foi a roda. Com ela o ser humano passou a usá-la para os mais diversos fins.

    Manuel Rui |

  • Sou angolana  e gostava  que  não houvesse mais instabilidade na República Democrática do Congo, um país irmão.  Quero tudo de bom  para os cidadãos  do Congo Democrático.

Tempo

você e o jornal de angola

PARTICIPE

Escreva ao Jornal de Angola.

enviar carta

Multimédia