Citações

Citações

Este é o melhor momento para os nossos dois países avaliarem os resultados da sua cooperação e projectarem compromissos futuros.

José Azeredo Lopes | Ministro da Defesa de Portugal

Mais Citações

  • A notícia correu célere, pelo meos, nas redes sociais: “a multinacional BP, que opera nos blocos 18 e 31 do offshore angolano, continua a transferência de postos de trabalho, de Angola, para o Reino Unido, aproveitando-se do decreto 86/18 de 2 de Abril”.

  • “Nove países já entregaram os instrumentos jurídicos à União Africana e cinco ratificaram o acordo (para a criação da Zona de Comércio Livre Continental Africana), totalizando 14 com instrumentos ratificados a nível de África”

    Videira Pedro, Negociador chefe da Zona de Comércio Livre Continental Africana
    (ZLCCA) por Angola


    “Trabalhámos muito em matéria de formação para o desenvolvimento das competências dos profissionais e vamos continuar a formar
    em 2019”
    Fernando Hermes, Presidente do Conselho Directivo da Ordem dos Contabilistas e Peritos Contabilistas
    de Angola (OCPCA)


    “Vamos continuar a lutar, tendo em conta as nossas limitações no sentido de irmos minimizando as dificuldades”
    Fernando Dias dos Santos Presidente da Assembleia Nacional

    “Ser artista, ganhar prestígio e visibilidade não significa mostrar o corpo, apostar em músicas obscenas, ter atitudes que ferem a dignidade da mulher, mas, sim, apostar em preservar os valores familiares, tendo em conta que é na base familiar em que se aprende a ser
    e a estar”

    Carolina CerqueiraMinistra da Cultura

  • Os 64 anos da aprovação dos Estatutos do Clube Marítimo Africano irão comemorar-se no próximo dia 20 de Dezembro. 

    Felipe Zau*

  • Ponto de encontro

    Sou morador do Bairro Operário, septuagenário e sempre residente nesta importante localidade de Luanda, onde continuo a lembrar com muita saudade um dos mais importantes pontos de encontro. Falo do mercado do Beato Salú, onde muitas gerações se encontravam e reencontravam para “matar saudades”, sobretudo para apreciar um almoço bem regado. Destruíram o mercado com a justificação de que o local serveria para albergar o futuro estaleiro  para a reabilitação do Bairro Operário. Julgo que foi um tremendo erro desmantelar o mercado na medida em que centenas de famílias empobreceram muito mais, chegando mesmo muitas a serem destruídas. Muitas amizades acabaram igualmente separadas porque deixaram de ter um ponto de encontro que, como se sabe, e parte importante da vida. Sem amizades perdemos muito e um dos pontos de encontro de muita malta do Bairro Operário era, efectivamente, o Beato Salú. Escrevi estas linhas para, de forma nostálgica, relembrar aquele importante espaço do nosso histórico e mítico Bairro Operário. Termino encorajando as autoridades para que pensem duas vezes antes de desmantelarem  qualquer mercado, de onde milhares de famílias retiram o pão.

    Paulo Africano Cazenga 

Tempo

você e o jornal de angola

PARTICIPE

Escreva ao Jornal de Angola.

enviar carta

Multimédia