Citações

Citações

“Acabou-se uma mágoa para mim e, sobretudo, foi reconhecida a minha cidadania, foi reconhecida a minha contribuição para a Independência de Angola.”
Adolfo Maria | Nacionalista angolano,  reagindo ao facto de ter recebido, finalmente, em Lisboa,  o seu passaporte


“O processo vai seguir os trâmites normais  e vamos esperar que o juiz se pronuncie ou não.”
 Mota Liz | Vice-procurador-geral da República, referindo-se ao processo de burla que lesaria o Estado angolano  


“Aqueles que são capazes de tirar vantagens do conhecimento  e das tecnologias existentes e disponíveis  no mundo são os vencedores e os que não forem capazes de o fazer  ficam atrás.”
Manuel Nunes Júnior | Ministro de Estado do  Desenvolvimento Económico e Social


“A História económica  recente mostra (em Angola) uma economia  ainda muito vulnerável a choques externos, devido às oscilações 
do preço do petróleo no mercado.”
Idem


“As empresas têm que ter sempre  o homem no centro da sua atenção, por ser o principal activo”
 Benedito  Paulo | Director-geral da Sociedade Mineira de Catoca

Mais Citações

  • O pôr do sol no Sahara, as cataratas de Victória, o deserto do Namibe que se cruza com a abundância do Atlântico, as nossas gentes, a sua cultura e hospitalidade, a sua alegria que faz brotar uma idiossincrasia única são para mim o ponto de partida, e, provavelmente, o ponto de chegada, ou, como os elefantes, o território sagrado da minha morte.

    Adebayo Vunge

  • Uma complexa operação do SIC pôs fim ao uso de perfis falsos criados nas redes sociais para a prática de crimes diversos. Uma quadrilha localizada na província de Cabinda usava nomes de entidades, instituições e outras figuras públicas e aprofundava o aliciamento das vítimas através de ligações telefónicas.

    Eduardo Magalhães |*

  • Hoje é Dia Mundial da Criança, que este ano está a ser comemorado num contexto de uma luta árdua que o mundo está a empreender contra uma pandemia, a de Covid-19, que já causou uma crise económica e social e que está a afectar milhares de famílias no globo.

  • Tal como prevíamos há 15 dias, foi decretado o fim da emergência. Entrámos agora no Estado de Calamidade. O futuro dir-nos-á se a medida foi ou não acertada. Pessoalmente, receio a palavra. Como Estado, tal como é visto, não viu a sua figura jurídica contemplada na “atípica” Constituição da República, o que levou à revisão e consequente alteração, necessariamente apressada, da Lei de Bases da Protecção Civil.

    Arlindo dos Santos

Tempo

você e o jornal de angola

PARTICIPE

Escreva ao Jornal de Angola.

enviar carta

Multimédia