Opinião

A palavra do directorver todas

Ainda o 27 de Maio de 1977

Ainda o 27 de Maio de 1977
O Jornal de Angola fez, na edição de 27 de Maio último, uma abordagem aos acontecimentos que marcaram a data no país, em 1977. Sabíamos, mal pensámos em conceber o projecto, que pisávamos território delicado, traiçoeiro e que, se não tentássemos o equilíbrio, a equidistância e a sobriedade, teríamos sobre nós o peso de uma eventual insatisfação ou até ira de pessoas e instituições que se sentissem, eventualmente, injustiçadas ou sonegadas nalgum direito que lhes coubesse, por exemplo, no âmbito do contraditório ou da preservação da imagem.

Transição, oposição e governação

Transição, oposição e governação
A actual transição angolana, inaugurada a 27 de Agosto de 2017 com a vitória do MPLA e a eleição do seu candidato, João Lourenço, para Presidente da República, suscitou, pelo menos até agora, uma situação interessante do ponto de vista da análise: apesar de estar a ser conduzida pelo Presidente de acordo com o compromisso de campanha do partido no poder – “melhorar o que está bem e corrigir o que está mal” -, os principais oponentes (ou pelo menos os mais vocais) das novas políticas parecem ser figuras ligadas ao próprio campo político do MPLA e não à oposição.

Citaçõesver todas

“O contrato que existe para que os docentes expatriados leccionem nas instituições de ensino superior é da responsabilidade do Ministério afim, mediante um acordo com Cuba, pelo que não vejo, a nível local, a existência de uma medida que não seja orientada pelo ministério de tutela.” Maria Bragança Sambo, ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação

“O interior do país, pelas razões que conhecemos, perdeu qualidade de vida. Precisamos de fazer o caminho inverso e é este caminho que começamos a fazer, passando pela província da Huíla” João Lourenço, Presidente da República

“Sofremos algumas baixas de peso. Sabemos que a Tunísia é favorita, pela posição que ocupa no “ranking” da FIFA e pelas equipas tunisinas que dominam as provas africanas. Mas isso não significa que vamos sobrevalorizar o adversário, ou subestimar a nossa equipa” Srdjan Vasiljevic ,Treinador principal dos Palancas Negras

“ É imperioso que haja maior e melhor coordenação entre os órgãos que intervêm na administração da Justiça, para que facilmente sejam superados os constrangimentos e insuficiências” Pedro Sebastião, Ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, em discurso proferido na cerimónia comemorativa do 40º aniversário do Ministério do Interior

Colunas

Mundo Africanover todas

Ugandesa cumpre prisão por mutilação genital da filha

Ler mais

Editorialver todas

O descongestionamento dos centros demográficos

Ler mais

Nos tempos que corremver todas

“Redimidos” alemães na lógica americana das migrações

Luis Alberto Ferreira |*

Ler mais

As Subesferasver todas

Contra-cultura e contra-informação no caos argentário

Luis Alberto Ferreira

Ler mais

Crónicas à Média Luzver todas

Uma conferência em Berlim

Artur Queiroz

Ler mais

Mundo Árabever todas

Víctor Jara e

Luis Alberto Ferreira |

Ler mais

Observatório do Balãover todas

Impulsos patrióticos

Arnaldo Santos

Ler mais

Nova Ordem Internacionalver todas

O estado do Estado

José Goulão

Ler mais

Ventos do Ocidentever todas

Preconceitos com a comida e tripas à moda do Porto

Luis Alberto Ferreira |

Ler mais

Palavras à Soltaver todas

A III República

João Melo |

Ler mais

Terra Comprometidaver todas

As eleições na Grécia e o triunfo do medo

José Goulão|

Ler mais

Tempo

você e o jornal de angola

PARTICIPE

Escreva ao Jornal de Angola.

enviar carta

Multimédia