Política

Acordo-Quadro é assinado hoje entre Angola e o Vaticano

Angola e o Vaticano assinam hoje, em Roma, um Acordo-Quadro, que, entre outros pressupostos, prevê o reconhecimento da personalidade jurídica da Igreja Católica em Angola e a titularidade dos seus imóveis, informa uma nota do Ministério das Relações Exteriores.

Manuel Augusto, ministro das Relações Exteriores de Angola já está em Roma para a assinatura do acordo
Fotografia: DR

O acordo é assinado, pela parte angolana, pelo ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto, que iniciou ontem uma visita oficial de três dias a Roma.
Em Março do ano passado, o Presidente da República, João Lourenço, criou uma Comissão Interministerial para tratar das negociações para a assinatura do acordo.
Angola e a Santa Sé mantêm relações históricas seculares, desde a nomeação, em 1608 (Século XV) de António Manuel NVunda como primeiro embaixador do então Reino do Kongo em Roma.
Em 1992, o Papa João Paulo II foi a primeira mais alta entidade da Igreja Católica a visitar Angola e, em 2007, Bento XVI reconheceu que, efectivamente, António Manuel NVunda havia chegado a Roma na qualidade de primeiro embaixador do Reino do Kongo, cuja sede estava em MBanza Kongo, hoje capital da província do Zaire, território de Angola.
A agenda de trabalho do ministro das Relações Exteriores inscreve ainda uma visita à nova Chancelaria da Embaixada de Angola.

Tempo

Multimédia