Candidato do MPLA apresentado ao eleitor

Estanislau Costa | Lubango
17 de Fevereiro, 2017

Fotografia: Francisco Bernardo|Edições Novembro

João Lourenço, vice-presidente do MPLA e candidato do partido a Presidente da República nas próximas eleições gerais, é apresentado pela primeira vez ao público, num acto de massas a decorrer, amanhã, na praça “Comandante Cowboy”. 

O primeiro secretário provincial do MPLA na Huíla, João Marcelino Tyipinge, ao apresentar o programa numa conferência de imprensa, apelou aos mais de 61.736 militantes do Lubango e amigos a estarem presentes no acto político de massas.
João Marcelino Tyipinge estendeu o convite aos militantes, simpatizantes, amigos e população em geral dos municípios da Humpata, Chibia e Cacula. Confirmou também a presença de dirigentes do partido do Cunene, tendo sublinhado que o trabalho é para que o candidato João Lourenço sinta “o carinho dos huilanos e não só”.
O político disse que o candidato do MPLA não é um indivíduo desconhecido no seio da população, devido às várias funções que já desempenhou no partido (de que é membro há várias anos), no Governo e nas Forças Armadas.
“Estamos preparados e em condições de levar a cabo uma campanha muito mais abrangente para massificar em larga escala o nome e a imagem do nosso candidato às eleições gerais, de modo que, principalmente os cidadãos das zonas mais recônditas, conheçam melhor a fotografia do candidato e a bandeira do partido”, garantiu.
O MPLA possui na Huíla acima de 600 mil militantes enquadrados em várias estruturas de base que acrescidos aos simpatizantes e amigos dão bons indicadores de votos. “Apesar destes dados, teremos de desenvolver uma campanha forte para convencer os indecisos e contarmos com mais aderentes para uma vitória qualificada”, reconheceu Marcelino Tyipinge.
O programa do vice-presidente do MPLA na cidade do Lubango contempla um encontro com os membros do comité central residentes, audiências com várias entidades, inauguração do hospital da comuna do Toco e visita à centralidade da Quilemba, onde estão erguidas e prontas a habitar mais de oito mil e 500 casas.

Trabalho de mobilização

O MPLA desenvolve em todo o país campanhas massivas para a divulgação da imagem do seu candidato a Presidente da República.
No município de Cambambe, na província do Cuanza Norte, o partido no poder realiza acções junto de militantes, simpatizantes e amigos do MPLA e dos eleitores, disse ontem o segundo-secretário municipal.
António dos Santos, disse que o secretariado do partido na localidade assegurou a prontidão dos militantes nas tarefas de divulgação da bandeira, rosto do candidato e dos lemas do MPLA.
O político referiu que, após a indicação de João Lourenço como candidato do partido ao próximo pleito eleitoral, o comité do MPA na circunscrição deu início a um processo de divulgação da figura e do seu percurso político, sobretudo nas zonas rurais.  Face à constatação feita, João Lourenço é um militante  conhecido ao nível do partido,   disse António dos Santos. “A indicação de João Lourenço como candidato à liderança do país em nada altera a coesão do partido, sendo que, ao nível de Cambambe, todo o trabalho está ser feito visando a obtenção de resultados favoráveis similares aos pleitos anteriores”.
António dos Santos destacou a trajectória política de João Lourenço, caracterizado como homem íntegro e considerado um homem dotado de boas iniciativas e que primou sempre pelo diálogo e de quem se espera grande dinamismo à frente dos destinos do país.
António dos Santos garantiu que o município de Cambambe sempre foi um bastião do MPLA na província do Cuanza Norte, uma conquista que se pretende manter no próximo pleito eleitoral, previsto para Agosto deste ano.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA