Política

Deputados defendem verbas para estradas

Carlos Paulino | Cuangar

Um grupo de deputados do MPLA que trabalhou durante quatro dias nos municípios do Cuangar, Calai e Dirico, prometeu advogar, junto da Assembleia Nacional, para a reabilitação das principais vias de acesso da província do Cuando Cubango possa constar do Orçamento Geral do Estado de 2020.

Legisladores visitaram os nove municípios do Cuando Cubango
Fotografia: Carlos Paulino | Edições Novembro| Menongue

Em declarações à imprensa, na sexta-feira, o porta-voz da comitiva parlamentar, Adriano Meireles Patrocínio, considerou “imperioso que se trabalhe na construção e asfaltagem das estradas nacionais, secundárias e terciárias da província do Cuando Cubango, porque, de outro jeito, as sedes municipais, comunas, aldeias e os seus habitantes nunca se vão desenvolver”.

O Cuando Cubango, disse, tem características próprias. Em quase toda a sua extensão, acrescentou, os solos são arenosos, além de outros obstáculos que tornam quase impossível a circulação rodoviária.
“Não foi por acaso que o colonialismo português ousou designar esta região de “terras do fim do mundo”, por falta de estradas e nós tivemos a oportunidade de constatar isso mesmo. É um autêntico sacrifício”, reconheceu.
Divididos em vários grupos, os parlamentares visitaram os nove municípios e nos contactos com a população as pessoas pediram fundamentalmente apoios para a prática da agricultura, alimentos para mitigar os efeitos da seca e a reabilitação das estradas para que possam circular com as suas mercadorias, adiantou Adriano Meireles Patrocínio.
“Visitamos muitas localidades e constatamos que a circulação rodoviária é muito dolorosa e lastimável, e precisa de uma intervenção urgente ao longo dos cerca de quatro mil quilómetros de estradas”, sublinhou o parlamentar.

Tempo

Multimédia