Política

Governadora provincial exige mais transparência

Os gestores públicos da província da Lunda-Sul foram ontem recomendados a serem leais, transparentes e rigorosos na gestão do erário público e na implementação de projectos que visam a melhoria das condições sociais da população e, consequentemente, o desenvolvimento sustentável do país.

Governadora provincial da Lunda-Sul pede mais rigor
Fotografia: João Salvo | Edições Novembro

A recomendação foi feita pela governadora provincial da Lunda-Sul, Cândida Narciso, durante um almoço com os membros do governo local, tendo afirmado que no próximo mandato, o MPLA, enquanto partido governante, vai redobrar a sua actuação para responder as necessidades do povo angolano.
 “Estas eleições deram-nos uma grande lição. O povo angolano passou-nos a mensagem de que precisamos trabalhar mais, melhorar as nossas políticas públicas e governar cada vez mais próximo dos cidadãos, para assim, conseguirmos dar resposta as suas necessidades”, sublinhou.
Para Cândida Narciso, o governo deve acompanhar, com muita atenção, a evolução intelectual da população, que hoje está, cada vez mais, exigente no que toca a solução dos seus problemas. Ainda ontem, a governadora Cândida Narciso orientou a cerimónia de apresentação de 13 médicos que vão reforçar o sector da saúde na província da Lunda-Sul.
Na sua intervenção, a governadora destacou a coragem, bravura, determinação e a entrega do primeiro Presidente da República Popular de Angola, António Agostinho Neto, no processo que culminou com a proclamação da independência nacional, a 11 de Novembro de 1975.

Tempo

Multimédia