Política

Governante apela efectivos para o reforço da harmonia

O vice-governador da província do Bié para Área Social, Política e Económica, Carlos Ulombe da Silva, apelou ontem, na cidade do Cuito, aos efectivos das Forças Armadas Angolanas (FAA) a continuar a edificar a paz para garantir a prosperidade de todos.

Forças Armadas Angolanas reforçam acções do Governo
Fotografia: Edmundo Eucilio | Edições Novembro

O governante fez este apelo na cerimónia que marcou as comemorações do 26º aniversário da criação daquele ramo das FAA assinalado ontem, em todo país, reconhecendo que as Forças Armadas têm sabido preservar a soberania nacional.
Carlos Ulombe da Silva lembrou que a data é comemorada numa altura em que o país regista transformações políticas, sociais, económicas e culturais levadas a cabo pelo Executivo liderado pelo Presidente da República, João Lourenço.
Referindo-se ao Comandante em Chefe das FAA, Ulombe da Silva realçou o seu empenho na consolidação da paz, fortalecimento da democracia e a assumpção de um novo rumo para o desenvolvimento económico e social das populações.
O responsável alertou aos efectivos do exército a continuarem a primar pela formação académica e profissional, pelo facto de o actual momento ser muito exigente, fruto do surgimento das novas tecnologias. 
Destacou o papel que as Forças Armadas Angolanas têm empreendido, sobretudo, nesta fase de paz, consubstanciada na participação em campanhas de vacinação, programas de alfabetização, bem como em acções de salvamento e de resgate de vítimas de calamidades naturais.
Por seu turno, o comandante da 4.ª Divisão de Infantaria das FAA no Bié, o tenente-general António Valeriano, ressaltou o cumprimento dos efectivos nas missões consagradas na Constituição, sobretudo as ligadas à integridade do território nacional. No processo de desenvolvimento do país, as FAA têm prestado também um contributo na recuperação de infra-estruturas económicas e sociais.

Tempo

Multimédia